TRE-PR gera energia renovável para sede e todos fóruns eleitorais do estado

Com a inauguração da Usina Fotovoltaica em Paranavaí, deixarão de ser emitidas 892,4 toneladas de CO2 na atmosfera por ano

Usina inauguração

O presidente do Tribunal Regional Eleitoral do Paraná (TRE-PR), desembargador Gilberto Ferreira, inaugurou na última sexta-feira (28), na cidade de Paranavaí, na presença de autoridades de todo o país, o maior empreendimento na área de energia solar de um órgão público brasileiro, a Usina Fotovoltaica Desembargador José Antonio Vidal Coelho. Com 6.200 placas solares, que produzirão 263 mil quilowatts/mês, a usina vai fornecer 100% do consumo de energia elétrica da sede e de todos os 153 fóruns eleitorais do estado.

Confira a galeria completa de imagens da inauguração

Assista ao vídeo institucional sobre a obra

Em seu discurso, o presidente do TRE-PR ressaltou que, em um ano, a Justiça Eleitoral do Paraná:

- Deixará de emitir 892,4 toneladas de CO2 na atmosfera;

- Poupará 6.371 árvores;

- Deixará de desmatar o equivalente a 3,5 campos de futebol por ano;

- Incentivará a geração de energia limpa por outros órgãos públicos;

- Realizará importante economia da despesa com energia atualmente paga, com possibilidade de utilização do referido valor para outro fim;

- Contribuirá com a melhoria do deficitário sistema energético nacional, injetando energia limpa e de alta qualidade;

- Contribuirá com a geração de emprego e renda, visto que o fornecedor das placas solares é indústria legitimamente brasileira.

Segundo o diretor-geral do TRE-PR, doutor Valcir Mombach, o tribunal vai “zerar os gastos com conta de luz em todo o estado com um empreendimento que tem praticamente nenhum custo de manutenção e garantia de 30 anos”. A iniciativa deve em breve ser reproduzida por outros órgãos públicos, como o Tribunal de Justiça do Paraná (TJ-PR).

A inauguração corresponde a ODS (Objetivos do Desenvolvimento Sustentável) nº 7 da Agenda 2030 da Organização das Nações Unidas (ONU), da qual o TRE-PR é signatário, e também é parte do Plano de Logística Sustentável (PLS) do tribunal.

A cerimônia de inauguração foi umarealização do TRE-PR em parceria com a Associação dos Magistrados do Paraná (AMAPAR), que teve o apoio da Companhia Paranaense de Energia (COPEL) e da Companhia de Saneamento do Paraná (Sanepar).

Confira a relação completa de autoridades e convidados

Siga-nos no Twitter e no Instagram

Curta nossa página oficial no Facebook

Acompanhe nossas galerias de fotos no Flickr

Inscreva-se em nosso canal no YouTube

Últimas notícias postadas

Recentes

30 anos da volta da democracia

Lembrada como a mais democrática pelo chefe de cartório da 105ª Zona Eleitoral, a eleição de 1989 foi marcada pela candidatura de grandes personalidades e lideranças históricas