Santo Antônio do Sudoeste (PR) tem 100% de mesários voluntários para as Eleições 2020

Equipe responsável pela convocação do município entrou em contato com os eleitores individualmente para convencê-los da importância de se voluntariar

Fotografia de um grupo de pessoas em frente ao Fórum Eleitoral Des. Marçal Justen

A cidade de Santo Antônio do Sudoeste terá 100% de mesários voluntários nestas eleições. Foram 344 cidadãos que se ofereceram para atuar durante as votações para os cargos de prefeito e vereador deste ano. Ao todo, são aproximadamente 14 mil eleitores aptos a votar no município.

O servidor Jameson Soares, chefe de cartório da 83ª Zona Eleitoral de Santo Antônio do Sudoeste, conta que a principal estratégia de convocação foi o contato com os eleitores por telefone e pelo aplicativo WhatsApp Business. Ele afirma que um dos motivos do sucesso da campanha foi o forte envolvimento de toda a equipe, que aproveitava todas as oportunidades para convidar os cidadãos. “O nosso estagiário arrumou mesário até na academia e eu na farmácia, sempre que a eleição virava assunto fazíamos o convite”, diz.

Soares explica que o processo de convencimento dos eleitores envolveu, primeiramente, ligar para os voluntários das Eleições 2018 e perguntar como foi a experiência e o que poderia melhorar. Se a resposta fosse positiva, eles convidavam a pessoa novamente. Depois, o servidor afirma que a equipe começou a conversar com os eleitores que se cadastraram pela internet ou pela Central de Atendimento ao Eleitor (CAE) e, posteriormente, os indicados pelo sistema.

Ademais, o chefe de cartório de Santo Antônio do Sudoeste comenta que a equipe buscou uma abordagem específica para cada perfil de eleitor. Por exemplo, para os mais jovens, eles explicaram a importância da participação dessa faixa etária, pela maior facilidade com a tecnologia e com a comunicação. Ao mesmo tempo, complementa o servidor, houve a compreensão de que os eleitores das seções localizadas em zonas rurais, dependendo da colheita, trabalhavam até mesmo no domingo. Desse modo, a equipe ressaltou a importância do eleitor voluntário para a própria comunidade.

Além dos mesários voluntários já convocados, a Zona Eleitoral vai providenciar também suplentes, contando com quem se inscreveu pela internet após o encerramento da lista. Soares ressalta que os cidadãos que dedicam seu tempo para colaborar com a democracia, sobretudo os que atuam de forma voluntária, são a engrenagem mais importante das eleições. “Quando a pessoa quer estar lá, deixando de lado um dia de lazer ou descanso para contribuir com os trabalhos eleitorais, significa que ela desempenhará sua função com ainda mais carinho e dedicação.”

Mesário Voluntário

O mesário é quem atua nas seções eleitorais do início ao fim das votações. Portanto, é ele quem recebe o eleitor, colhe a assinatura e libera a urna eletrônica para que o cidadão possa exercer o direito de votar. É de responsabilidade do mesário também a garantia do sigilo do voto e o mantimento da tranquilidade no ambiente de votação.

Ao todo, o Paraná necessita de, aproximadamente, 85 mil mesários – voluntários ou convocados – para os dias de votação. Até o momento, já são mais de 83 mil pessoas que se ofereceram para possibilitar o exercício do voto para os 8,1 milhões de cidadãos aptos a votar no estado.

Todos os eleitores podem atuar como mesários desde que sejam maiores de 18 anos e estejam em situação regular perante a Justiça Eleitoral. A inscrição pode ser realizada pelo site do TRE-PR ou pelo aplicativo e-Título, sem a necessidade de comparecimento presencial.

Vantagens

Além de exercer a cidadania, quem atua como mesário durante as eleições, seja de forma voluntária ou atendendo à convocação, também adquire outras vantagens. Entre os principais benefícios, estão: a dispensa do trabalho pelo dobro dos dias de atuação, sem prejuízo de salário; auxílio alimentação para o dia da eleição (no valor de R$ 35,00 por dia trabalhado); vantagem de desempate em concursos públicos (caso esteja previsto no edital) e isenção do pagamento da taxa de inscrição em concursos públicos realizados pelo Poder Público Estadual (dependendo do regulamento expedido pela Instituição responsável pelo concurso).

Projeto Universidade Amiga

Para os estudantes universitários, além dos benefícios já citados, são oferecidas 30 horas extracurriculares para cada turno da eleição em que o eleitor atuar como mesário. Assim, no caso de haver segundo turno, serão 60 horas validadas pelas universidades que possuem convênio com a Justiça Eleitoral.

A iniciativa faz parte do Projeto Universidade Amiga, lançado neste ano pelo presidente do Tribunal Regional Eleitoral do Paraná (TRE-PR), desembargador Tito Campos de Paula. Atualmente o projeto alcança instituições de ensino superior de 145 municípios do estado.

Clique aqui para conferir a relação completa de instituições parceiras

 

Texto: Carla Tortato
Foto: 83ª Zona Eleitoral de Santo Antônio do Sudoeste
Tratamento de imagem: Victor Borges Machado
Revisão: Melissa Diniz Medroni
Coordenação: Rubiane Barros Barbosa Kreuz
CCS/TRE-PR

 

Siga-nos no Twitter, no Instagram e no SoundCloud

Curta nossa página oficial no Facebook

Acompanhe nossas galerias de fotos no Flickr

Inscreva-se em nosso canal no YouTube

Últimas notícias postadas

Recentes